Novo colegiado do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência é empossado em Porto Velho - VILHENA ONLINE - NOTÍCIAS DE VILHENA E RONDÔNIA

Novo colegiado do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência é empossado em Porto Velho

Share:

Solenidade empossou os 12 novos conselheiros

Vilhena, RO - Foi realizada, na manhã desta quinta-feira (8), na sede da Casa dos Conselhos, na rua Guanabara, 965, reunião ordinária e posse do novo colegiado do Conselho Municipal dos Direitos das Pessoas com Deficiência (CMDPD). Tomou posse como presidente Taís Tiene Iamazaki de Souza, e na vice-presidência, Edislaine da Silva.

O secretário municipal de Assistência Social e da Família (Semasf), Claudi Rocha, em nome do prefeito Hildon Chaves, conduziu a solenidade de posse dos novos 12 conselheiros, sendo seis representantes do poder governamental e seis representantes da sociedade civil organizada.

Composição do colegiado do Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência (CMDPC):

Representantes governamentais: Claudi Rocha, suplente - Aldadina Pinheiro Miranda (Semasf); Solange Ataide S. Souza, suplente - Joseleno Silva dos Santos (Semtran); Leiliane Ginçalves de Figueiredo, suplente - Gilmara Magalhães Costa (Semusa); Silvio Ricardo Lima dos Santos, suplente - Elissandra Cecília Menezes da Silva (Semes); Ketila Batista da Silva Teixeira, suplente - Conceição de Maria A. de Azevedo (Semed); e Antônio Angustinho Santana, suplente - Maria Loanda S. B. Prestes (Semob).

Representantes da sociedade civil: Helaine Trajo de Oliveira, suplente - Lindaembergue Uchoa (Pestalozzi); Juliana Oliveira Monteiro, suplente - Arquivange da Costa Vieira (Frope); Antônio Carlos Berssabe, suplente - Ana Maria P. de Aldeida (Apae); Taís Tiene Iamasaki de Souza, suplente - Marcos Paulo Miller de Souza (Aros); Alexandre Nobre Rodrigues, suplente - Lívia Tavares Nunes (Awas); e Edislaine da Silva, suplente - Sílvio Roberto Corsino do Carmo (Paraolímpico).

O MDPC, conforme legislação vigente, dentre outras finalidades acompanha o planejamento e avalia a execução das políticas públicas de infraestrutura e nas áreas setoriais de educação, saúde, trabalho, assistência social, transporte, cultura, turismo, desporto, lazer e outras políticas públicas relativas à pessoa com deficiência, assim como acompanha a elaboração e a execução da proposta orçamentária da Semasf, sugerindo as modificações necessárias à consecução da política municipal para integração e inclusão da pessoa com deficiência.

O secretário Claudi Rocha destacou a importância do diálogo com o Conselho, fortalecendo o compromisso com a política pública, a resistência e a luta em prol da garantia dos direitos das pessoas com deficiência.

A presidente do CMDPC, Taís Tiene Iamazaki de Souza, afirmou que “é um grande desafio assumir o Conselho Municipal dos Direitos da Pessoa com Deficiência. Os primeiros passos é fazer uma reorganização da agenda de trabalho para o ano de 2024, colocando os recursos disponíveis para o Conselho para que possamos executar as atividades planejadas. É importante salientar que nós não participamos da Conferência Municipal da Pessoa com Deficiência, mas participaremos tanto da Conferência Estadual quanto da Federal, para vermos quais são as propostas e diretrizes tomadas para acompanharmos no âmbito municipal”.



Fonte: Superintendência Municipal de Comunicação (SMC)

Nenhum comentário